Crianças em tratamento de câncer têm dia de bombeiro no Paraná

Crianças em tratamento de câncer têm dia de bombeiro no Paraná
Ação foi para comemorar o Dia das Crianças e o centenário da corporação. Crianças vestiram roupa de bombeiro e passearam por Cascavel.

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Jovem suspeito de integrar facção criminosa é detido em Uberaba

Ele é suspeito de tráfico de drogas.
Operação 'XLF' foi desencadeada pela Polícia Civil de Araxá.


Do G1 Triângulo Mineiro
Apreensão Uberaba  (Foto: Willian Tardelli/Divulgação)Droga e material apreendido pela Polícia Civil
(Foto: Assessoria Polícia Civil/Divulgação)
Um jovem de 27 anos foi detido nesta quarta-feira (12) em Uberaba, suspeito de tráfico de drogas e de ser integrante de uma facção criminosa de São Paulo. O suspeito foi encontrado na residência dele, no Bairro Valim de Melo, durante a Operação "XLF", que foi desencadeada pela Polícia Civil de Araxá, no Alto Paranaíba, em conjunto com as delegacias de Conquista e Sacramento. 
De acordo com a Polícia Civil, na casa do jovem foram apreendidos um revólver calibre 38, maconha e um bloqueador de rastreador de veículo. A polícia informou também que ele é suspeito de ser responsável por parte da droga que chega a Araxá e região. Os policiais também suspeitam que foi ele quem forneceu cerca de 14 kg de maconha que levou a prisão de quatro pessoas no último mês.

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Polícia mineira apresenta homicida ligado à facção criminosa de SP

Preso só ia a Uberlândia para matar e levar drogas, diz delegado.
Homem estava foragido; além dele, polícia prendeu mais cinco criminosos.


Fernanda ResendeDo G1 Triângulo Mineiro
"Zé Beto" estava sendo investigado há sete meses (Foto: Fernanda Resende/G1)"Zé Beto" era investigado há sete meses
(Foto: Fernanda Resende/G1)
Um homem de 34 anos, conhecido como “Zé Beto”, foi apresentado para a imprensa durante coletiva na manhã desta quinta-feira (6) em Uberlândia. Ele é apontado em quatro homicídios e suspeito de mais seis na cidade. O homem ainda é investigado por uma tentativa de homicídio em Uberaba e era foragido da Justiça.
Para a Polícia Civil, a prisão de “Zé Beto” é uma das mais importantes realizadas pela delegacia este ano, pois o preso está ligado a uma facção criminosa de São Paulo e vinha para o Triângulo Mineiro somente para matar ou trazer drogas.
A prisão ocorreu em Franca (SP) na última semana e foi fruto de uma investigação que durou sete meses. Além de “Zé Beto”, mais cinco pessoas ligadas a homicídios e tentativas foram presas em Uberlândia.
Segundo o delegado Bernardo Pena Sales, o trabalho apresentado nesta quinta-feira resultou num total de seis prisões e sete casos de homicídios já desvendados na cidade, sendo quatro tendo como envolvido Zé Beto.
Ele comentou que o preso é bastante conhecido nos meios policiais por inúmeros homicídios praticados nos Bairros Chácaras Tubalina, Planalto e proximidades. De acordo com o delegado, Zé Beto agia com mais três comparsas. Atualmente, dos integrantes do grupo, um deles está preso, o outro morreu vítima de homicídio e o terceiro ainda continua foragido.
Bernardo Sales acrescentou que Zé Beto já tinha passagens policiais por homicídio tentado e porte de arma de fogo. O delegado disse ainda que ele não quis colaborar com as investigações e usou do direito de permanecer em silêncio e se pronunciar somente em juízo. “Mesmo sem a colaboração podemos adiantar que os inquéritos onde ele é listado estão bem fundamentados, todos com pedido de prisão preventiva. Agora vamos aprofundar as investigações no sentido de determinar também a autoria e dinâmica desses outros seis homicídios que ele aparece como investigado”, concluiu.

Outras prisões
Além de “Zé Beto” mais cinco pessoas ligadas a homicídios e tentativas foram apresentadas nesta quinta-feira (6). Todos, segundo o delegado Matheus Ponsancini, têm passagens pela polícia. Ele acrescentou que as prisões também foram frutos de investigações.
Outros presos também foram apresentados pela Polícia Civil (Foto: Fernanda Resende/G1)Outros presos também foram apresentados pela Polícia Civil (Foto: Fernanda Resende/G1)

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Polícia Civil prende dupla com mais de 25 kg de drogas na MG-427

Jornal de Uberaba
Foto: Juliano Carlos

Tabletes de pasta base de cocaína, crack e munições foram apreendidos pela PC

Dois homens acusados de tráfico e envolvimento com drogas foram presos por policiais em rodovia próxima a Uberaba. De acordo com informações dos policiais civis de Conceição das Alagoas, eles seguiam pela rodovia MG-427, sentido Conceição das Alagoas/Uberaba, quando virma dois homens em atitude suspeita no veículo Volkswagen Parati, com placas HNR-2700, da cidade de Campo Grande (MS).
Os policiais seguiram os dois suspeitos e pediram apoio para policiais de Uberaba. Em determinado momento, eles abordaram o veículo e identificaram os ocupantes como C.C.S., 26 anos, e F.S.P., 37 anos. Após buscas no interior do automóvel, os policiais encontraram 20 tabletes de pasta base de cocaína, cinco tabletes de crack e várias munições de calibres 22 e 38.
Eles questionaram os acusados, que disseram que residem na cidade de Porto Seguro  (BA) e foram “contratados”, pelo valor de R$ 8 mil, para pegar os entorpecentes em Campo Grande e levá-los até a cidade de Teixeira de Freitas (BA).
A dupla acusada de tráfico e envolvimento com drogas foi presa em flagrante, levada para a delegacia de Polícia Civil de Conceição das Alagoas e apresentada ao delegado de plantão, que ratificou o flagrante. Posteriormente, eles foram recambiados para o presídio daquele município, onde permanecem à disposição da Justiça. (JC)

PF apreende R$ 13,4 milhões em operação contra tráfico de drogas

Operação 'Veraneio' tem como alvo esquema internacional de narcotráfico.
PF cumpriu 50 mandados judiciais nos estados de MT, SP, MG e AM.


Do G1 MT
Dinheiro apreendido em Sinop, no Mato Grosso, durante a operação Veraneio  (Foto: PF/Divulgação)PF apreendeu o equivalente a R$ 13,4 milhões na
operação 'Veraneio'. (Foto: PF/Divulgação)
Divididos em quatro estados do país, agentes da Polícia Federal (PF) cumpriram nesta terça-feira (4) 50 mandados judiciais expedidos para a operação Veraneio, que tem como alvo um esquema de narcotráfico internacional. Em Mato Grosso foram cumpridos 20 mandados judiciais e os demais 30 foram cumpridos em cidades dos estados de Minas Gerais, São Paulo e Amazonas. Segundo último balanço da PF, todos os mandados foram cumpridos, resultando em sete prisões temporárias e na apreensão do equivalente a R$ 13,4 milhões em cheques e cédulas de reais, dólares e euros.
De acordo com o delegado Samir Zugaibe, a quadrilha investigada nos quatro estados atuava na logística do esquema de tráfico de drogas a partir de Sinop, a 503 km de Cuiabá, buscando carregamento de entorpecentes na Venezuela e entregando-o em Honduras. “Essas drogas provavelmente eram das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) e tinham como destino os cartéis mexicanos”, afirmou o delegado.
Para desmantelar o esquema, a PF obteve na Justiça mandados judiciais para prisão temporária de investigados, condução coercitiva (quando o investigado é levado para ser interrogado pela autoridade policial) e busca e apreensão.
Operação
De acordo com a PF, a maior parte dos mandados foi expedida pela Justiça Federal para a cidade de Sinop, a 503 km de Cuiabá: foram quatro prisões, cinco conduções coercitivas e nove mandados de busca e apreensão.
Somente na cidade foram apreendidos oito carros de luxo pertencentes à quadrilha investigada. Também foram cumpridos dois mandados judiciais em Sorriso (a 420 km da capital), sendo um de condução coercitiva e outro de busca e apreensão.
No estado de São Paulo, os agentes da PF atuaram em oito municípios, sendo que três prisões ocorreram na capital, em Sorocaba e em Campinas. Outros 18 mandados de condução coercitiva e busca e apreensão foram cumpridos nestas cidades e também em Atibaia, Tatuí, Mogi das Cruzes, Guarulhos e Ribeirão Preto.
Em Minas Gerais, foram 5 mandados judiciais cumpridos: um de condução coercitiva e outro de busca e apreensão tanto em Belo Horizonte quanto em Pará de Minas e um mandado de busca e apreensão em Formiga.
Polícia Federal deflagrou a Operação 'Veraneio' em MT, MG, SP e AM. (Foto: João Carlos Morandi/TVCA)Dezoito mandados judiciais foram cumpridos pela operação 'Veraneio' em Sinop (MT).
(Foto: João Carlos Morandi/TVCA)
No estado do Amazonas, os agentes federais estiveram em Manaus e Tabatinga. Em cada cidade eles cumpriram uma condução coercitiva e um mandado de busca e apreensão. A PF esclareceu que, originalmente, foram expedidos 48 mandados judiciais ao todo; o número final de 50 é consequência do desmembramento de mandados para endereços em cidades distintas.
Narcotráfico internacional
Todos os materiais apreendidos por força da operação deverão agora ser analisados dentro das investigações da operação Veraneio. Eles pertenciam à quadrilha que a PF visa desmantelar. Conforme o que se investigou até agora, a quadrilha atuava apenas com esquemas de narcotráfico fora do Brasil, com uma movimentação mensal de pelo menos uma tonelada de droga. O entorpecente não entrava em território brasileiro, segundo o delegado Samir Zugaibe.
Segundo as investigações, a quadrilha montou uma base de operações em uma fazenda localizada na região de Sinop. No local, afastado do centro da cidade, eram feitas adaptações em aviões de pequeno porte adquiridos no Brasil para o transporte de cargas. Os números de identificação das aeronaves também eram adulterados. A PF apontou que as aeronaves buscavam cocaína na Venezuela e transportavam a droga até Honduras. O avião era depois abandonado e os traficantes retornavam para o Brasil em voo comercial.
Avião foi flagrado com droga na Honduras (Foto: Divulgação/ Polícia Federal)Avião foi flagrado com droga em Honduras.
(Foto: Divulgação/ Polícia Federal)
Além da PF, compõem as investigações autoridades policiais de Honduras, da Força Aérea Colombiana e da Agência Antidrogas dos Estados Unidos. O esquema é investigado desde 2011.
Em 2012, a quadrilha chegou a ser flagrada durante o trajeto de uma carga de uma tonelada de droga. Rastreado desde a Venezuela, um monomotor com o carregamento sobrevoava a cidade de Catacamas, em Honduras, quando foi forçado pelas autoridades a pousar numa estrada rural.
Na descida, houve confronto com a polícia hondurenha. Dois suspeitos que estavam a bordo da aeronave tentaram fugir. Um deles morreu e o outro, brasileiro, foi mantido preso em Honduras. As investigações devem prosseguir.

Casal é preso na BR-381 suspeito de transportar maconha em caminhão

Segundo a PRF, cerca de meia tonelada da droga foi apreendida em Minas.
Suspeitos com 60 e 55 anos foram detidos na altura de João Monlevade.


Do G1 MG
Droga é apreendida na BR-381, em João Monlevade (Foto: Polícia Rodoviária Federal)Droga é apreendida dentro de tonéis na BR-381, em Minas (Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação)
Um casal foi preso nesta terça-feira (4) suspeito de transportar aproximadamente 500 quilos de maconha na BR-381, em João Monlevade, na Região Central de Minas Gerais. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a droga estava escondida em 15 dos 210 tonéis carregados por um caminhão.
Os suspeitos, de 60 e 55 anos, foram parados no posto da PRF em um patrulhamento de rotina, afirmou a polícia.
De acordo com a corporação, os envolvidos saíram do estado de São Paulo com destino com a Pernambuco. Na abordagem, os policiais desconfiaram dos dois porque eles apresentaram sinais de nervosismo.
Ainda segundo a PRF, eles e o caminhão com a droga serão trazidos nesta tarde para a Superintendência da Polícia Federal, no bairro Gutierrez, na Região Oeste de Belo Horizonte.

Comerciante é preso suspeito de aplicar golpes em Pouso Alegre, MG

Homem não repassaria dinheiro de venda de motos aos clientes. 
Polícia informou que ele aplicou pelo menos 20 golpes na região.


Do G1 Sul de Minas
Um comerciante de 50 anos foi preso nesta terça-feira (4) em Pouso Alegre (MG) suspeito de aplicar golpes nos clientes em uma revenda de motocicletas. De acordo com a Polícia Civil, ele foi detido no próprio estabelecimento e levado para a delegacia da cidade.
Segundo os policiais, o homem já teria aplicado o golpe em 21 pessoas. As vítimas relataram que ele vendia as motos e, ao invés de lhes entregar o valor combinado, ficava com o dinheiro. A suspeita é de que ele agia tanto em Pouso Alegre como na região.
Wander Ursolino Dias foi uma das vítimas. "Eu tomei um prejuízo de R$ 11 mil. Ele vendeu a moto há dois meses e não me pagou", disse.
O delegado MarceloTadeu Duarte Cruz informou que as investigações tiveram início em julho de 2013, quando foi registrada a primeira ocorrência sobre o caso. O comerciante confessou o golpe.
"O estelionato que ele praticava alcançou os R$ 100 mil. Ele vendia os veículos e não repassava o dinheiro. A loja dele enfrentava problemas e acreditamos que agora, com a prisão dele, outras vítimas do crime podem aparecer e ele vai responder por estelionato e apropriação indébita", comentou.
Empresário é preso suspeito de aplicar golpes em Pouso Alegre (Foto: Reprodução EPTV)Empresário é preso suspeito de aplicar golpes em Pouso Alegre (Foto: Reprodução EPTV)

Polícia encontra droga em fundo falso de veículo após investigação em MG

Motorista tentou fugir em Juiz de Fora durante perseguição.
Cem quilos de maconha e três quilos de cocaína foram apreendidos.


Do G1 da Zona da Mata
tráfico de drogas juiz de fora (Foto: Reprodução/TV Integração)Drogas estavam escondidas em compartimento do veículo (Foto: Reprodução/TV Integração)
A Delegacia Antidrogas da Polícia Civil apreendeu 100 quilos de maconha e três quilos de pasta base de cocaína na tarde desta quarta-feira (5), na Avenida JK, em Juiz de Fora. A droga estava escondida na lateral e em um fundo falso de um Fiat Strada. O motorista havia saído de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, e já estava sendo seguido por policiais desde a BR-040. Um homem de 32 anos, natural de Ribeirão Preto, dirigia o veículo. Ele tentou fugir, mas acabou sendo preso em flagrante e conduzido ao Ceresp.
A delegada Mariana Veiga, responsável pela Delegacia Antidrogas em Juiz de Fora, conduziu a operação. Segundo a chefe de polícia, a Civil fazia uma investigação sobre rotas de entradas e distribuição de drogas na cidade. "O fato era investigado há 30 dias. Recebemos a informação de que um veículo seguia de Ribeiro Preto para Juiz de Fora pela BR-040 e começamos a segui-lo na rodovia. Logo que o motorista acessou a BR-267, ele percebeu que estava sendo seguido. Ele acelerou e chegou até a Avenida JK", contou a delegada. Os policiais iniciaram uma breve perseguição e o suspeito acabou batendo em um semáforo. Ele tentou fugir correndo, mas foi contido pelos agentes.
O suspeito foi preso em flagrante e encaminhado ao Ceresp. Segundo Mariana Veiga, o homem já tem passagens na polícia por tráfico de drogas. A delegada informou, também, que os próximos passo da investigação é descobrir quem receberia e distribuiria as drogas na cidade.

Polícia descobre esconderijo de drogas em casa de Ubá, MG

Esquema foi descoberto pela Polícia Civil e quatro foram detidos.
Parede falsa e locais para armazenar drogas foram desvendados.


Do G1 Zona da Mata
Drogas foram apreendidas e envolvidos detidos (Foto: Polícia Civil/Divulgação)Drogas foram apreendidas e envolvidos detidos
(Foto: Polícia Civil/Divulgação)
Um dispositivo criado para descartar e esconder drogas foi descoberto pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (5), dentro de um banheiro de um imóvel utilizado para o tráfico, conhecido como “Boca do Rogério Lagarto”, em Ubá. Quatro pessoas foram detidas, entre elas um menor de idade.
Segundo a polícia, quando os criminosos notavam que seriam abordados, colocavam o entorpecente em um ralo e jogavam água para que descesse pelo encanamento. Com o sistema, a droga era recuperada e revendida, não causando perda para os traficantes.
A polícia informou que chegou até o local após investigações. Os suspeitos foram flagrado realizando o comércio de entorpecentes. Eles tentaram fugir, mas não conseguiram. Ainda segundo a ocorrência, durante a abordagem foi cumprido um mandado de internação em desfavor do menor de idade e mandado de prisão preventiva contra um dos rapazes.
As drogas foram resgatadas do dispositivo. No total foram apreendidos cerca de um quilo de maconha, 157 pedras de crack e 49 papelotes de cocaína. A polícia ainda localizou uma balança de precisão, uma munição de fuzil e aparelhos celulares. Os envolvidos foram encaminhados à Delegacia.
Dispositivo permitia descarte e recuperação da droga (Foto: Polícia Civil/Divulgação)Dispositivo permitia descarte e recuperação da droga (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Flagrado por investigador, jovem é detido ao pular muro de cadeia em MG

A suspeita é de que o jovem iria vender entorpecentes em Vazante.
Material apreendido foi encaminhado à delegacia.


Do G1 Triângulo Mineiro

Um jovem de 25 anos foi detido ao ser flagrado por um investigador da Polícia Civil pulando o muro da cadeia pública de Vazante, no Noroeste do estado. A suspeita é que ele iria vender entorpecentes para os detentos. Foram encontradas 64 gramas de maconha, além de sete isqueiros e 22 pacotes de fumo. O fato ocorreu na noite desta terça-feira (4), no Bairro Serra Dourada.

Segundo a polícia, o jovem já tem passagem por tráfico e outros crimes. Ele foi preso em flagrante e os materiais apreendidos.
Jovem é detido ao pular muro de cadeia pública de Vazante, MG (Foto: Polícia Civil/Divulgação )Materiais foram apreendidos e levados para a delegacia (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

Preso jovem que se vestiu de oficial e tentou matar suspeito de atropelar avô

Idoso morreu após ter sido atropelado por motociclista em Ubá.
Rapaz foi à casa do suspeito, atirou e fugiu, mas foi preso nesta terça (4).


Do G1 Zona da Mata
Jovem tentou vingar a morte do avô em Ubá, MG (Foto: Polícia Civil de Ubá/ Divulgação)Jovem foi preso nesta terça-feira (4) por tentativa de
homicídio (Foto: Polícia Civil de Ubá/ Divulgação)
Um jovem de 18 anos foi preso pela Polícia Civil nesta terça-feira (4) no Bairro Jardim Primavera, em Ubá. Ele é suspeito de se passar por um oficial de Justiça para tentar matar o rapaz envolvido no atropelamento do avô, em julho. Ele foi encontrado em casa pelos policiais da Delegacia Antidrogas e de Homicídios.
De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), o idoso de 82 anos foi atropelado por um motociclista de 26 anos quando atravessava a Avenida Comendador Jacinto Soares de Souza Lima, no Centro de Ubá, no dia 24 de julho deste ano.
Apesar de ter sido socorrido, ele não resistiu aos ferimentos e morreu. Segundo consta no BO, o motociclista alegou que a vítima atravessou sem olhar o fluxo e que não teve como evitar a colisão.
No noite do dia 8 de outubro, o jovem de 18 anos foi até a casa do motociclista no Bairro Galdino Alvim e se apresentou como oficial de Justiça para conseguir conversar com ele. “A vítima contou em depoimento que o jovem perguntou se ele esteve envolvido no atropelamento de um idoso em julho. Ao obter a resposta positiva, realizou três disparos e fugiu”, explicou o titular da Delegacia Antidrogas e de Homicídios, Rafael Gomes de Oliveira. De acordo com a Polícia Civil, o rapaz de 26 anos conseguiu se proteger e não foi ferido pelos tiros.
Após as investigações apontarem o jovem como suspeito da tentativa de homicídio, a equipe solicitou e obteve um mandado de prisão que foi cumprido nesta terça-feira.
Ele foi levado para a Delegacia, prestou depoimento e foi encaminhado para o presídio de Ubá. “Agora vamos terminar de relatar para fechar o inquérito e encaminhar para o Fórum, ainda nesta semana”, concluiu o delegado ao G1.