Crianças em tratamento de câncer têm dia de bombeiro no Paraná

Crianças em tratamento de câncer têm dia de bombeiro no Paraná
Ação foi para comemorar o Dia das Crianças e o centenário da corporação. Crianças vestiram roupa de bombeiro e passearam por Cascavel.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Homem de 43 anos é preso suspeito de pornografia infantil em Valadares

Foram encontrados um notebook, HDs e DVDs com conteúdo pornográfico.
Operação da Polícia Federal é realizada em 14 estados e no DF.


Do G1 Vales de Minas Gerais
Notebook, hds e dvds foram apreendidos com o suspeito.  (Foto: Davidson Fortunato/G1)Notebook, hds e dvds foram apreendidos
com o suspeito. (Foto: Davidson Fortunato/G1)
Um homem de 43 anos foi preso em flagrante durante operação da Polícia Federal no início da manhã dessa terça-feira (19) em Governador Valadares, no Leste de Minas Gerais. Segundo a PF, ele é suspeito de fazer parte de um esquema de pornografia infantil.
Ainda segundo a PF, na casa dele foram econtrados um notbook, oito HDs de computador, um pendrive e vários DVDs. Foi feita uma análise para confirmar a existência de conteúdos pornográficos.
O suspeito pode pegar até quatro anos de prisão por pornografia infantil, e tem a opção de fiança, com valor não divulgado.
Operação Resgate On-line
A prisão do homem faz parte da Operação Resgate On-line da Polícia Federal, realizada em 14 estados e no Distrito Federal. O objetivo do trabalho é combater os crimes de difusão, pela internet, de imagens com conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes.
De acordo com a PF, foram expedidos pela Justiça Federal do Estado do Pará, 42 mandados de busca e apreensão em endereços espalhados entre os estados alvos da operação.
Os estados envolvidos na operação são Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, Pernambuco, Paraíba e Distrito Federal. Até o momento 11 pessoas foram presas.

Homem é preso pela PF suspeito de pertencer a rede de pedofilia em MG

Com ele foi apreendido computador com imagens de pornografia infantil. 
Operação 'Resgate Online' acontece simultaneamente em 14 estados.


Do G1 Sul de Minas
Um homem foi preso na manhã desta terça-feira (17) em Guaxupé (MG) suspeito de estar envolvido em uma rede de pedofilia. Desde a manhã a Polícia Federal realiza a operação ‘Resgate Online’, cumprindo mandados de busca e apreensão em 14 estados e no Distrito Federal. Na casa do suspeito em Guaxupé ainda foi apreendido um computador onde possivelmente há imagens ligadas à pornografia infantil, que servirão de base para as investigações da operação.

Os policias investigam se o homem preso teve acesso a programas de compartilhamento de fotos e vídeos de nudez de crianças e adolescentes. A operação está sendo coordenada pela Superintendência da Polícia Federal em Belém (PA).
Segundo a PF, 11 pessoas foram presas em 6 estados (Foto: reprodução / TV Liberal)Segundo a PF, 11 pessoas foram presas em
6 estados (Foto: reprodução / TV Liberal)
Operação 'Resgate Online'
As prisões foram realizadas em seis estados, sendo uma na Bahia, uma no Espírito Santo, três em Minas Gerais, duas no Paraná, uma noRio Grande do Sul e quatro em São Paulo, de acordo com informações da Polícia Federal em Belém (PA).
Em Minas Gerais foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, sendo apreendidos equipamentos para posterior perícia. Três mandados foram cumpridos em Belo Horizonte, dois em Governador Valadares - resultando em uma prisão em flagrante - e um em Guaxupé, onde também houve uma prisão em flagrante.
Os policiais irão investigar nos endereços se houve acesso de usuários a programas de compartilhamento de fotos e vídeos de nudez de crianças e adolescentes e até de cenas de abuso sexual na internet.
Esta é a 7ª operação realizada neste ano pela Polícia Federal para combater a disseminação de pornografia infanto-juvenil através da internet.
A repressão intensa da Polícia Federal aos crimes de divulgação de pornografia infantil com o uso da internet resultou na instauração de mais de 1.500 inquéritos policiais no ano de 2013. Em 2014 já foram instaurados 400 inquéritos policiais.

PF faz ação contra pornografia infantil na internet em 14 estados e no DF

Polícia cumpre 42 mandados de busca e apreensão.
No PA, empresa de consultoria em educação está sendo investigada.


Do G1 PA
A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (19) uma operação contra  a pornografia infantil divulgada na internet. Coordenada pela Superintendência de Belém, a ação ocorre em 14 estados, além do Distrito Federal. Até o encerramento da operação, segundo a delegada Patrícia Bicalho, 11 pessoas foram presas. O material apreendido será examinado.
De acordo com PF, 230 agentes federais deverão cumprir 42 mandados de busca e apreensão de computadores nos estados do Pará, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, além do Distrito Federal.
As prisões foram realizadas em seis estados, sendo uma na Bahia, uma no Espírito Santo, duas em Minas Geraisduas no Paranáuma no Rio Grande do Sul e quatro em São Paulo.
Os suspeitos foram encontrados com material pornográfico de crianças e adolescentes. "Ainda não temos a comprovação de que eles produzam este material, então serão indiciados pelos crimes de armazenamento e troca de pornografia infantil, previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente", disse a delegada. Caso sejam condenados pelos dois crimes as penas podem variar de 4 a 10 anos de prisão.
Segundo a PF, 11 pessoas foram presas em 6 estados (Foto: reprodução / TV Liberal)Segundo a PF, 11 pessoas foram presas em 6
estados (Foto: Reprodução / TV Liberal)
Redes sociais
Ainda de acordo com a delegada Bicalho, a investigação começou em 2013, após o trabalho de monitoramento da polícia detectar compartilhamento das imagens pornográficas em redes sociais. "Eles todos utilizaram a mesma rede social para trocar arquivos. A operação começou no Pará, fizemos um trabalho sistemático de monitoramento", disse Bicalho, que não divulgou a rede social utilizada pelos pedófilos para não prejudicar as investigações.
Os policiais irão investigar nos endereços se houve acesso de usuários a programas de compartilhamento de fotos e vídeos de nudez de crianças e adolescentes e até de cenas de abuso sexual na internet.
Pará
Na capital paraense, 12 agentes federais foram deslocados para endereços no bairro do Umarizal, em Belém, e em Marituba, na região metropolitana de Belém.
De acordo com a Polícia Federal, uma empresa de consultoria em educação que presta serviços na elaboração de projetos na área para prefeituras do Pará e auxilia profissionais no segmento teve os computadores investigados na manhã desta terça, mas não foram encontrados materiais armazenados no local.
"Esta empresa é como um centro de treinamento que fornece internet wi-fi para os alunos. Temos registrada transmissão de pornografia por este IP (protocolo de internet), mas o material não foi encontrado nos computadores. Tudo leva a crer que um dos alunos teria utilizado as máquinas para esta finalidade, mas como não houve armazenamento a empresa foi isentada de responsabilidae". Disse a delegada Bicalho, que acredita poder chegar em quem compartilhou a imagem através da análise de dados. "Pela internet tudo pode ser rastreado", conclui.
Discos rígidos foram apreendidos na Zona Norte de Porto Alegre (Foto: Divulgação/PF)Discos rígidos foram apreendidos na Zona Norte
de Porto Alegre (Foto: Divulgação/PF)
Amazonas
Em Manaus os agentes da Polícia Federal apreenderam pen drives e HDs em uma casa situada no bairro Educandos, Zona Sul da capital. A PF informou que o mandado de busca e apreensão foi cumprido por volta das 6h, no Beco da Igreja. Ainda segundo a assessoria da Polícia Federal, o material apreendido foi encaminhado para perícia, que deve verificar a existência de vídeos e fotos contendo pornografia infantil.
Espírito Santo
No Espírito Santo, um homem de 22 anos foi preso em São Mateus, na região norte do estado. O jovem foi detido em casa com um computador e um pen drive contendo imagens de cenas de sexo explícito com crianças e fotos eróticas de menores de idade. Segundo o delegado da Polícia Federal, o homem não mostrou resistência durante a prisão e colaborou com os policiais indicando onde o material ilegal estava guardado.
Goiás
Um mandado de busca e apreensão foi cumprido em uma casa de Anápolis, a 55 km de Goiânia, durante uma operação nacional de combate à pornografia infantil na internet. Um notebook foi apreendido e o proprietário, cuja identidade não foi revelada, vai responder em liberdade pelo crime.
Minas Gerais
Foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão no estado mineiro, sendo três na capital, dois em Governador Valadares, na Região dos Vales, e um em Guaxupé, no sul de Minas. Um homem de 43 anos foi preso em flagrante em GV. Segundo a PF, na casa dele foram econtrados um notebook, oito HDs de computador, um pendrive e vários DVDs. O suspeito pode pegar até quatro anos de prisão por pornografia infantil, e tem a opção de fiança, com valor não divulgado. Outro homem foi preso em Divinópolis. A identidade dos suspeitos não foi revelada pela polícia.
Paraná
No Paraná os mandados de prisão foram cumpridos em Almirante Tamandaré, na Região Metropolitana de Curitiba, e em Santa Fé, no norte do estado. Um malote foi apreendido durante o cumprimento das prisões, mas a PF não soube especificar o conteúdo do material. Duas pessoas foram presas.

Rio Grande do Sul
Em Porto Alegre, um jovem de 19 anos foi preso na Zona Norte da cidade. A Polícia Federal apreendeu discos rígidos onde o suspeito guardaria imagens pornográficas de pedofilia.
São Paulo
Em Araçatuba, policiais cumpriram mandados de busca na casa de um professor de 37 anos que dá aulas na rede pública de ensino e já vinha sendo investigado pela Polícia Federal. No local, a polícia apreendeu computadores que podem conter imagens de pornografia de crianças e adolescentes. Ele foi levado para a delegacia, prestou depoimento, pagou fiança e vai responder ao inquérito em liberdade. Outras três pessoas foram presas na capital paulista.

Traficantes pagam R$ 3 mil em pasta base e são presos em Morrinhos

PC prende traficantes em MorrinhosO casal Pedro Henrique, de 20 anos, e Tauhany Ribeiro, de 18, foi preso neste domingo, 17 de agosto suspeito de tráfico drogas e associação para o tráfico, em Morrinhos-GO.
A dupla era alvo de investigações nos últimos meses, por conta de denúncias de que eles vinham fornecendo drogas para bocas de fumo daquele município e vendendo drogas aos finais de semana na porta da casa em que moravam.
2PC prende traficantes em MorrinhosOs suspeitos foram presos na referida casa onde moram, com 300 g de pasta base de cocaína, 20 g de maconha e uma balança de precisão. Pedro confessou que vinha comercializando drogas e afirmou que teria pago R$ 3.000 pelo entorpecente apreendido, o qual seria vendido a usuários nesse final de semana.
“Pedro Henrique ostenta maus antecedentes justamente por tráfico de drogas e as penas somadas referentes a essa prisão podem chegar a 25 anos de reclusão”, afirma o delegado.

Ministério autoriza nomeação de aprovados da PF e PRF

Ministério autoriza nomeação de aprovados da PF e PRFO Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão autorizou nesta segunda-feira (18) o provimento de 500 cargos de Policial Rodoviário Federal (PRF) e mais 1.112 da Polícia Federal (PF) a partir de agosto. A decisão já está publicada no Diário Oficial da União.
Das nomeações da PF, 566 são para o Plano Especial de Cargos do Departamento da Polícia Federal e 546, para os cargos de carreira.
O provimento dos cargos está condicionado à existência de vagas na data da nomeação.
O ordenador dos gastos da nomeação também precisa comprovar que novas despesas estão adequadas à Lei Orçamentária Anual e à Lei de Diretrizes Orçamentárias.
Fonte: Portal Brasil

'Micróbio' é preso com R$ 33 mil no Barreiro

Jovem de 25 anos é acusado de vários crimes, entre eles roubos milionários a agências bancárias da região do Vale do Rio Doce



SUPER: BELO HORIZONTE MG: APRESENTACAO DE SUSPEITO A ROUBO DE BANCOPolicia Civil apresenta Marcio Antonio da Conceicao , vulgo Microbio , suspeito de assalto a banco na cidade de Inhapim MG Na foto chegado do suspeito Microbio a Delegacia Regional do Barreiro .Foto: Uarlen Valerio / O Tempo/ 14.08.2014
Uarlen Valerio
Uarlen Valerio
UAV_APRESENT_008.jpg

JHONNY CAZETTA/O TEMPO
Conhecido como “Micróbio”, o mecânico Márcio Antônio da Conceição Júnior, de 25 anos, foi preso pela Polícia Civil durante uma operação realizada no Barreiro, em Belo Horizonte, nesta quinta-feira (14). Ele é suspeito de chefiar uma quadrilha responsável por roubos e tráfico de droga na região de Inhapim, no Vale do Rio Doce.
Ao todo, ele teria participado de mais de 10 crimes na localidade. O último no dia 7 de julho deste ano, onde ele teria participado com outros seis comparsas, de um assalto ao banco da cidade onde foram levados cerca de R$ 120 mil. Na ocasião, além do dinheiro, foram levados da agência também as armas, munições e coletes à prova de bala dos dois seguranças rendidos.
“Outros cinco elementos que participaram da ação criminosa já foram presos anteriormente, juntamente com a recuperação de R$ 30 mil do dinheiro roubado. Com as investigações, conseguimos identificar esse homem, que consideramos ser o líder do grupo”, afirmou o delegado Almir Lugon, um dos responsáveis pelo inquérito.
O suspeito foi preso na região da Vila Pinho, dentro da casa de sua mãe. Com ele, a polícia apreendeu R$ 32 mil, uma pistola calibre 765, uma considerável quantidade de cocaína e crack, uma balança de precisão, e também produtos que teriam sido adquiridos com o dinheiro do roubo como televisores, notebooks e celulares.
“Apesar de ser de Belo Horizonte, era ele quem controlava essa ação criminosa em Inhapim e outras cidades da região. São roubos a comércio em geral, como bancos e joalherias. Além disso, era ele quem levava e comercializava as drogas nessas localidades”, disse o policial, acrescentando que o suspeito será indiciado pelos roubos, associação criminosa, porte ilegal de arma e tráfico de drogas.
A polícia ainda procura pelo último suspeito do crime e também pelo restante do dinheiro. No entanto, os policiais acreditam que a maior parte da quantia já tenha sido gasta com farra e compras. “Temos informações que o Márcio passou alguns dias na região de Guarapari, no Espirito Santo, gastando esse dinheiro, antes de voltar a Belo Horizonte”, contou o delegado Almir Lugon.

Defesa. Durante a apresentação dele à imprensa, o suspeito se negou a responder a qualquer pergunta relacionada aos crimes. Do lado de fora, porém, a mãe dele o defendeu e disse que o filho não participou do assalto ao banco. “Desse ele não fez nada. O dinheiro achado, na casa da namorada, é do sogro dele, que é um trabalhador. Eu admito que meu filho já tenha praticado crimes, mas esse do roubo não foi ele. Vamos provar isso”, garantiu a aposentada.  

Motorista é preso trafegando com mais de 70 kg de drogas na BR-381

Maconha e crack estavam em um Renault Logan, com placas de São Paulo; destino dos entorpecentes era Maceió (AL)


FERNANDA VIEGAS/ O TEMPO
Um homem foi preso ao ser flagrado transportando mais de 70 kg de drogas, entre maconha e crack, na BR-381, em Perdões, na região Centro-Oeste de Minas, nessa quinta-feira (14).
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), um Renault Logan, com placas de São Paulo, foi abordado na altura do km 679. Durante as buscas no veículo, foram encontrados 71.125 kg de maconha e 1.316 kg de crack. 

O condutor L.S.O., 41, contou que levaria a droga de São Paulo para Maceió (AL). Ele foi encaminhado para Delegacia de Polícia Civil de Lavras.
tráfico de drogas, maconha, crack, BR-381, Perdões
tráfico de drogas, maconha, crack, BR-381, Perdões

Dois são presos em MG durante operação contra pornografia infantil

Mais de 40 mandados de busca e apreensão são cumpridos em 14 estados brasileiros nesta terça-feira; três deles, na capital mineira


pornografia infantil, operação regate on-line, 14 estados
Operação é fruto do constante monitoramento que a Polícia Federal realiza na internet e nas redes sociais
DA REDAÇÃO/ O TEMPO
A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (19), a Operação Resgate On-Line, para combater os crimes de difusão pela internet de imagens com conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes e armazenamento dessas imagens.
Em Minas Gerais, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão, sendo apreendidos equipamentos para posterior perícia. Três mandados foram cumpridos em Belo Horizonte, dois em Governador Valadares, na região do Vale do Rio Doce – resultando em uma prisão em flagrante – e um em Guaxupé, no Sul de Minas, onde também houve uma prisão em flagrante.
Participam da operação cerca de 230 policiais federais, que dão cumprimento a 42 mandados de busca e apreensão, em endereços localizados nos estados Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, e São Paulo.
A operação é fruto do constante monitoramento que a Polícia Federal realiza na internet e nas redes sociais, com o fim de identificar internautas que tenham realizado o armazenamento ou a troca de imagens de crianças e adolescentes.
Os crimes apurados são apenados com reclusão de três a seis anos, no caso da transmissão, e de um a quatro anos em situação de armazenamento. 

Esta é a 7ª operação realizada neste ano pela Polícia Federal, para combater a disseminação, com a utilização da internet, de pornografia infanto-juvenil. A repressão da Polícia Federal aos crimes de divulgação de pornografia infantil com o uso da internet resultou na instauração de mais de 1.500 inquéritos policiais, no ano de 2013. No ano de 2014, até a presente data, já foram instaurados 400 inquéritos policiais.

Ministério da Justiça confirma prisão de Roger Abdelmassih no Paraguai

O ex-médico, condenado a 278 anos de prisão por 52 estupros e atentado violento ao pudor, foi preso nesta terça-feira (19); ele estava foragido desde janeiro de 2011


Roger Abdelmassih é acusado de estuprar pacientes
O ex-médico Roger Abdelmassih estava foragido desde janeiro de 2011
DA REDAÇÃO/ O TEMPO
O ex-médico Roger Abdelmassih, condenado a 278 anos de prisão por 52 estupros e atentado violento ao pudor, foi preso nesta terça-feira (19) no Paraguai.
Abdelmassih estava foragido desde janeiro de 2011. Condenado em novembro de 2010, ele liderava a lista de procurados da Secretaria da Segurança de Pública de São Paulo. Quem o encontrasse Abdelmassih poderia levar R$ 10 mil, o maior valor oferecido pela pasta.
A prisão ocorreu no início da tarde desta terça (19), numa ação da Polícia Federal brasileira e da polícia paraguaia. Não foi informado em qual cidade o médico foi preso.

Ele será deportado sumariamente pelas autoridades paraguaias por também estar na lista de procurados da Interpol. Ele deve chegar às 17h na cidade fronteiriça de Foz do Iguaçu (PR). Ainda não está definido quando o médico será levado a São Paulo.

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Rinha de galo é fechada e mais de 30 são detidos em distrito de MG

Em sítio de distrito de Conceição do Pará, 78 aves foram apreendidas.
Animais foram levados para Centro de Zoonoses de Pará de Minas.


Do G1 Centro-Oeste de Minas
Rinha  galo Bom Jesus do Oeste distrito  Conceição do Pará MG (Foto: Reprodução/TV Integração)Aves foram levadas para Centro de Zoonoses
(Foto: Reprodução/TV Integração)
A Polícia Militar de Meio Ambiente (PMMA) de quatro cidades do Centro-Oeste de Minas desmanchou na tarde deste sábado (16), um sítio usado para rinha de galo. O local fica em Bom Jesus do Oeste, distrito de Conceição do Pará. No total, 38 pessoas foram detidas e 78 aves apreendidas.
Os policiais chegaram até o sítio após denúncias anônimas. De acordo com a PMMA, o espaço onde foi montada a arena teria sido improvisado recentemente para a prática do crime. No momento da abordagem, cerca de 50 pessoas estavam no sítio. Como o local é aberto, muitos conseguiram fugir. 
Entre apostadores e organizadores, 38 foram detidos. "Alguns deles possuem passagens pela polícia pelo mesmo crime", informou o capitão Rodrigo César Silva.
A polícia ainda apreendeu uma máquina caça-níquel, gaiolas e 78 galos. “Por sorte, a polícia descobriu essa rinha logo no início. Então, tirando as quatro aves que haviam participado das lutas, as demais não estavam em condições sofridas”, explicou o veterinário Idael Santos.
As aves foram examinadas pelo veterinário e levadas para o Centro de Zoonoses de Pará de Minas, onde ficarão à disposição da Justiça.  Já os suspeitos foram levados para a delegacia deNova Serrana.